O preparo do pastor para o ensino

O tempo é algo muito valioso, excede ao valor do ouro e do dinheiro e por isso não pode ser jogado fora. Não cabe aqui dizer quanto tempo cada pastor precisa estudar, no entanto quero dar o exemplo de Jonh MacArthur que é um pastor respeitado em muitos países e um escritor profícuo, ele estuda de 25 a 30 horas por semana para preparar seus sermões. [1]


Estudar é um ato solitário e o pastor precisa estar consciente disto, é bem verdade que para aqueles que gostam de estar com as pessoas, essa será uma tarefa mais difícil. Embora estejamos sem a presença das pessoas, podemos fazer do tempo de estudo um momento de devoção ao Senhor, ou seja, podemos desfrutar da presença de Deus em nossos estudos.


A preguiça é um monstro a se enfrentar e vencer. Já ouvi de experientes pastores a recomendação de termos cuidado com a preguiça, pois ela é um obstáculo na vida do pastor, como salientou Baxter:


Podemos escusar-nos da necessária diligência intelectual dizendo que somente o Espírito Santo pode qualificar-nos e assistir-nos em nosso trabalho. Deus encorajaria essa ociosidade? Dar-nos-ia Ele miraculosamente mediante sonhos quando estivermos dormindo? Ou nos levaria ao céu e nos revelaria os seus conselhos? Coisa horrenda é os homens se atreverem tão pecaminosamente extinguir o Espírito com tal ociosidade e, depois, pretextarem que é o Espírito que o está dizendo! [2]


O zelo e o gosto pela Bíblia devem nos motivar a estudar com mais dedicação, pois é nela que encontramos palavras de vida e paz, é com ela que nos alimentamos e nutrimos a igreja: “É fraqueza de alma, perder o gosto pela excelência das Escrituras”. [3]


A acusação de Richard Baxter contra a preguiça é cortante: “Muitos ministros só estudam o bastante para o preparo dos seus sermões e pouca coisa mais. Todavia, existem muitos livros que podem ser lidos e muitos assuntos com os quais podemos familiarizarmos” [4] em outro lugar declara: “Em seguida à incompetência, a coisa que mais temos nos ministros é a preguiça”. [5]


Concluo este texto com as palavras de Calvino: “sã doutrina certamente jamais prevalecerá, até que as igrejas sejam melhor providas de pastores qualificados que possam desempenhar com seriedade o ofício de pastor”. [6]


Portanto, não desperdice seu tempo, tenha consciência de que estudar é tarefa que exige tempo e solidão, lute pessoalmente contra a preguiça e busque em todo tempo leituras que trarão frescor ao seu coração e no púlpito.

Referências:

[1] John MacArthur, Jr. Como Obter o Máximo da Palavra de Deus. São Paulo: Cultura Cristã, 1999, p. 182,188. [2] BAXTER, Richard. O pastor aprovado. , 2º ed, São Paulo, PES, 1996, P. 56. [3] Ibid, p. 44. [4] Ibid, p. 83. [5] Ibid, p. 182. [6] Apud, Hermisten Maia Pereira da Costa. A Igreja de Deus: Origem, Característica e Missão. Trabalho ainda não publicado, p. 32.

Pr. Ubiracy Lucas Barbosa

Pastor da ICE Metropolitana – Palmas - TO

Horário de Funcionamento:

Segunda a sexta das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30

Avenida Bernardo Sayão, 400
Jardim das Américas 1ª Etapa
Anápolis - GO 75070-020

Siga-nos nas redes sociais:

Logo Sem Fundo Branca.png